-



Russo é provisoriamente suspenso

 
 

Foto: Graham Watson


Exame flagra primeiro caso de GW501516 no ciclismo

A UCI (União Ciclística Internacional) anunciou, nesta quinta-feira (11 de abril), em seu site oficial, que o russo Valery Kaykov está provisoriamente suspenso. Ele foi flagrado, em um exame antidoping realizado em março deste ano, com a presença do modulador metabólico GW501516. Trata-se do primeiro caso de doping no ciclismo com a referida substância.

Kaykov ficará temporariamente suspenso até a Federação Russa de Ciclismo prestar depoimento, que determinará se ele violou alguma regra. O atleta ainda pode requisitar um novo exame.

O ciclista de 24 anos defende, há dois anos, a Rusvelo, equipe Pro Continental da Rússia. Em 2012 ele foi terceiro colocado no campeonato russo de contrarrelógio. A equipe anunciou que seu contrato foi imediatamente encerrado.

Recentemente, a Wada advertiu os atletas sobre as graves consequências do uso da GW501516. Segundo a entidade, a substâncias traz riscos a saúde e que os testes da droga foram encerrados após a descoberta de elementos tóxicos em seus testes. De acordo com a revista "New Scientist", um dos efeitos causados em ratos foi o rápido desenvolvimento de tumores.


Fonte Prologo