-



Jan Ullrich admite doping sanguíneo

 
  Foto: Graham Watson

Ex-ciclista foi campeão do Tour de France, em 1997

Foto: Graham Watson O ex-ciclista alemão Jan Ullrich (39) admitiu, pela primeira vez, que fez uso do 'doping sanguíneo', com o auxílio do médico espanhol Eufemiano Fuentes, principal responsável por comandar um grande esquema de doping na última década. A revelação será publicada na revista de seu país "Focus".

"Sim, eu aceitei o tratamento do Fuentes. Quase todos naquela época tomavam substâncias que melhoravam o rendimento. Eu não tomei nada que os outros não tomavam. Para mim, fraude é quando eu tomo vantagem primeiro. Mão não foi isso. Eu queria garantir uma igualdade", confessou.

Campeão do Tour de France de 1997 e cinco vezes vice-campeão, Ullrich, que se aposentou em 2007, teve seu nome ligado a Fuentes em 2006, no início das investigações da Operação Puerto quando foram encontrados amostras de seu sangue. Ele sempre negou qualquer participação.

Em 2012, foi punido pelo Tribunal Arbitral do Esporte devido o doping. O alemão também perdeu todos os resultados conquistados desde maio de 2005.

Outros resultados de destaque de Jan Ullrich são a Vuelta a España de 1999 e duas medalhas conquistadas nos Jogos Olímpicos de Sydney, em 2000 (ouro na estrada e prata no contrarrelógio individual).


Fonte:Prologo